Jogadores da A.A. FIB passam por avaliações físicas

Equipe da Unesp avaliando jogadores da AA FIB

Equipe da Unesp avaliando jogadores da AA FIB

Em pré-temporada para as competições de 2018, os jogadores da Associação Atlética FIB passaram, na última semana (26 e 27 de fevereiro), por uma avaliação física realizada pelo Grupo de Pesquisa FITES (Grupo de pesquisa em Fisiologia do Exercício Aplicada ao Treinamento Esportivo), coordenado pelo Prof. Dr. Júlio Wilson dos Santos, do Departamento de Educação Física da Faculdade de Ciências da Universidade Estadual Paulista (UNESP) de Bauru.

Os avaliadores, que compõem o FITES, submeteram os atletas da equipe bauruense a quatro testes: aptidão aeróbia intermitente, através do teste Yoyo nível 1; teste de corridas repetidas anaeróbias (RSA); teste de impulsão vertical, que mede a altura do salto em pé e agachado, e teste de velocidade máxima na distância de 15 metros.

“Ainda serão realizados, após definição com a comissão técnica, o controle da carga de treinamento e monitoramento do jogo, através da medida da frequência cardíaca e marcadores sanguíneos de dano muscular”, explicou o Prof. Dr. Júlio Wilson dos Santos.

As avaliações físicas realizadas e o controle do treinamento auxiliam no diagnóstico individual do elenco. “Posteriormente, são traçados objetivos para que os atletas melhorem, de acordo com as suas necessidades, e durante a temporada serão feitas novas avaliações de acompanhamento para verificar a evolução dos jogadores”, completou.

“Com a análise dos resultados será possível que a comissão técnica saiba em que nível os jogadores se encontram, podendo controlar melhor a intensidade dos treinos e obter melhor desempenho da equipe, colaborando para evitar a fadiga em excesso e lesões, além dos resultados servirem para fins de pesquisa”, concluiu o docente do Departamento de Educação Física da Faculdade de Ciências da UNESP de Bauru.

 

Parceria antiga

A parceria entre A.A. FIB e o Grupo de Pesquisa FITES do Departamento de Educação Física da Faculdade de Ciências da Universidade Estadual Paulista (UNESP) de Bauru teve início em 2012 e já rendeu bons frutos.

“Além das avaliações que ajudam a preparação da equipe, foram concluídas duas dissertações de mestrado e uma tese de doutorado das quais os jogadores da FIB participaram, com alguns estudos já publicados. Neste ano os estudos continuam e pretendemos inovar e fazer o controle maior do treinamento e monitorar os jogos”, revelou o Prof. Dr. Júlio Wilson dos Santos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *